separador topo
Cultura
Skip Navigation Links.
print

Arquivo da Administração dos Domínios Diretos da Casa de Abrantes

Código de referência PT-CMP-DMA/PRI/ADDCA
Título Administração dos Domínios Diretos da Casa de Abrantes
Datas 1513-1970
Nível de descrição Arquivo
Dimensões 30 metros lineares
Produtor Administração dos Domínios Diretos da Casa de Abrantes. 1942-1970

 

História administrativa/biográfica

Este arquivo inclui a documentação produzida pela Administração dos Domínios Diretos da Casa de Abrantes - sociedade constituída em 1942 na cidade do Porto para administrar os direitos que o sócio José de Lencastre e Távora possuía da herança deixada por seu pai, o 9º Marquês de Abrantes - bem como a documentação produzida e acumulada desde o início do século XVI.
Trata-se de uma parte do arquivo da família dos marqueses de Abrantes constituído maioritariamente por documentos produzidos no decurso da gestão de bens patrimoniais localizados no Norte de Portugal ao longo de cinco séculos (séculos XVI a XX). De facto, os Sás – família portuense de que descendem os marqueses de Abrantes - receberam, a partir do século XVI, títulos nobiliárquicos e concessões que os tornaram senhores dos direitos reais em Santa Marta de Penaguião, Sever do Vouga, Matosinhos, Vila Nova de Gaia, Gondomar e Aguiar de Sousa.

 

Âmbito e conteúdo

Escrituras de emprazamento de bens, tombos de bens, documentos judiciais, documentos de cobrança de rendas, listas de foreiros, etc. relativos aos bens patrimoniais da família situados no Norte de Portugal.

 

Instrumentos de descrição

Listagem. 

print
separador footer
 
Optimizado para os browsers: Internet Explorer 7, Firefox 3.5 e Safari 5 ou superiores | Em desenvolvimento pela DMSI (Direcção Municipal de Sistemas de Informação) da CMP
Projecto co-financiado por: