separador topo
Cultura
Skip Navigation Links.
print

Catálogos e materiais

Painel de azulejoAzulejos

Para se definirem estratégias de preservação é necessário conhecer de perto o universo dos materiais existentes na cidade.

Deste modo, e no que respeita às peças cerâmicas, está a proceder-se à catalogação dos tipos e suas variantes, padrões, desenhos, cores, fabrico, dimensões, matéria-prima, o modo e contexto de aplicação, o local onde se encontram, quantidade de existências e de lacunas e estado de conservação.

Este levantamento e estudo sistemático em curso possibilita documentar o elevado valor do revestimento azulejar no Porto, expresso na diversidade de padrões e painéis, na quantidade de edifícios que o adotaram e na criatividade alcançada com tão pequeno módulo quadriculado.

 

Padrão de Azulejos  

Painéis de Azulejos

 

 

Estuques

Elemento em estuqueO Banco de Materiais recebeu em 2001 o espólio de uma das mais prestigiadas oficinas de construção civil do Porto, da primeira metade do séc. XX – a Oficina Avelino Ramos Meira – que se especializou nas artes do estuque e da pintura decorativa.

Fundada na primeira década do século passado, funcionou no nº. 236 da Rua do Rosário até 1999, sempre na posse da família Meira, tendo sido a última oficina do género a encerrar portas.

Este espólio é constituído por 872 peças, das quais 784 em gesso, onde se incluem modelos para aplicação direta, moldes ou matrizes e formas ou contramoldes, que se destinavam à reprodução em série, sendo as restantes, em madeira e folha de zinco, denominadas moldes de correr o gesso para a realização de frisos e sancas.

No interior da arquitetura portuense conservam-se ainda uma grande variedade de riquíssimos exemplares, para alguns dos quais já foi possível identificar, no conjunto dos elementos guardados, a matriz original.

Este conjunto de elementos em estuque poderá contribuir para o estudo desta arte decorativa bem como para a salvaguarda dos exemplares ainda existentes quer em ambientes domésticos quer em interiores de tantos edifícios públicos da cidade do Porto.

 

Estuques


print
separador footer
 
Optimizado para os browsers: Internet Explorer 7, Firefox 3.5 e Safari 5 ou superiores | Em desenvolvimento pela DMSI (Direcção Municipal de Sistemas de Informação) da CMP
Projecto co-financiado por: